Sem Papas Na Língua

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Se despeça daquilo que não serve mais. DESAPEGA! Que dói menos.

Pare de olhar com bons olhos aquilo ou aquele que você acha que ama, que gosta. Seja sensato e verdadeiro consigo mesmo. Não leve adiante o que pela esperança você acha que vá mudar ou que tenha algum motivo para assim ser, alguma serventia ou razão para o tal. O que não faz bem pra você, não tem motivo de ficar pendurado como um chaveiro de carro, daqueles que ficam bem a sua visão, distraindo as vezes o que você deveria ver. Você tem que ser sincero principalmente com o que você quer pra você, para não fazer com que o outro também perca seu tempo.

Tempo esse que dure o que durar, foi necessário para permitir tudo o que aconteceu com você, que fez o que você é hoje. Não fique preso a coisas passadas, porque com certeza essas coisas não te levaram para frente, porque elas prendem seus pés e cegam seus olhos para enfrentar o presente e realizar o futuro. Não se apegar não é ser indiferente à vida, diz Isabela Freitas. Em seu livro, li um trecho em que me deixou muito a pensar:
"O desapego é saber a hora de se despedir de coisas que não têm mais espaço na sua vida. Pode ser aquelas roupas que você nunca usou, mas guardou porque é egoísta demais para doá-las. Pode ser aquela panela sem alça que você ganhou de presente no seu primeiro casamento, mas não teve coragem de jogar no lixo. Pode ser aquele vidrinho de perfume que você guarda no fundo do guarda-roupa só porque lembra o cheiro. O desapego pode ser aprender a se despedir na marra, já que muitas vezes não temos escolha. O desapego é saber deixar partir, e isso é essencial na vida de qualquer ser humano." (Não se Apega não - Isabela Freitas)
Não é fácil, deixar partir aquilo ou aquele de quem amamos. Se despedir nem sempre é fácil, mas se faz necessário, a gente querendo ou não. (ODEIO me despedir, não aprendi ainda, nem vou). Amar a si próprio antes de amar alguém, é essencial para que você ame o outro de verdade e na verdade. Só sabendo o que quer e o que não quer, só reconhecendo suas limitações, que você saberá respeitar o outro e não permitirá que ele cause algo que você não queira e vice-versa. Assim, você não fará mal a você e nem ao outro, sendo sincero. Porque nós precisamos aprender, precisamos nos machucar. O coração precisa aprender a se reconstruir. Se não existissem quedas, não existiriam triunfos.

Ser sincero com os seus sentimentos e com os sentimentos do outro, dificilmente será o caminho da decepção e sim a interrupção da bagagem desnecessária. Que ninguém merece carregar o tempo todo. Muito melhor admirar e apoiar balões, eles são leves e coloridos. Porém, carregar peso de fato nos deixam mais fortes, e depois você vai precisar de cargas mais fortes para superar. Essa é a vida, sem definição, uma superação dia a pós dia. Reconhecimento, agradecimento, presente e dadiva de Deus. 

Muito melhor viver sem se arrepender, sem causar mal entendidos. Creio que aquele que vive sem complicar as coisas, mas do que elas já são, tem sempre uma solução ou tenta pensar nela, com mais facilidade e liberdade. Não se prenda a nada nem ninguém, seja livre! O que foi bom, o que foi ruim, durou o tempo que teria que durar, esteja preparado para novas situações, não esteja acumulado. 


Daniella Lins

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

A tal da beleza.




Gosto, religião e futebol realmente não se discutem. Mas sabe?! Quero dizer aqui o que é beleza pra mim...

Uma pessoa bonita nem sempre é aquela que se encaixa no padrão instituído pela sociedade, de que deve ser uma pessoa branca, loira, de cabelos lisos e olhos claro, ah e magra. Iiiih não é não hein! 

Uma pessoa bonita pode ter essas qualidades, mas se tornará feia se ela for uma pessoa que deseja o mal para os outros, que está o tempo todo afim de ser melhor que todos os que estiverem a sua volta. Se tornará feia se ela for uma pessoa antipática, de poucos sorrisos e achar que tudo o que o outro fizer é bobeira.

Bonita é a pessoa que tem atributos interiores, esses sim merecem status e brilho. Ela é bonita se está sempre de bem com a vida, se os dias de chuva na vida dela forem acompanhados de um guarda-chuva colorido de sentimentos de solução para os próprios problemas.

A pessoa se torna bonita quando ela não força ser o que não é. Quando ela vê na vida a possibilidade de fazer sempre alguém se sentir bem pelo menos uma vez ao dia. A pessoa se torna bonita quando ela não nega ajuda, quando ela pode ajudar e pede ajuda. Ela se torna linda, quando exala leveza no modo de tratar alguém, quando ela ri alto de si mesma e não afim de menosprezar alguém, aí sim ela se torna feia.

Feia é a pessoa que mente pro outro afim de se beneficiar, quando acha que pode tudo.
A pessoa é feia quando acredita que na vida não há mais chance de ser feliz, lembrando que felicidade é a própria vida, de que devemos agradecer todos os dias ao criador. Se torna bela quando ela reconhece que na vida há sempre novas maneiras de solucionar algo. Bonita é a pessoa simpática. 

Ser bonito não está na roupa que veste, no tamanho do corpo, na cor dos cabelos. Ser bonito não está na cor dos olhos, no gênero que é. Ser bonito independe de quanto você tem no banco ou no bolso, de onde você mora, se tem carro ou não. Beleza é algo que vem de dentro pra fora.

Porque bonita mesmo é a pessoa que não tem vergonha de ser feliz, não tem vergonha de ser quem é e principalmente não tem que fazer ninguém infeliz.

Não existe isso de "BONITO", o que pode ser bonito pra mim, pode não ser pra você e vice-verso. Gosto é gosto, não tem muito o que explicar.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

O silêncio assusta...

Hoje minha prima me marcou numa frase de uma página no face que dizia: "O silêncio assusta, porque a gente não tem ideia se a pessoa está sentindo a nossa falta ou se está gradualmente aprendendo a nos esquecer." Concordo e ainda completo, o não aproximamento da pessoa, me soa como "não estou mais afim de conversar com você, estou conversando com alguém mais interessante, você é chata/o, seu papo não me agrada." Pode ser tanta coisa... E a dúvida fica.


Quando você não fala comigo, pode ser que esteja triste ou não queira conversar mesmo.

Quando você não fala comigo ou visualiza minha mensagem e não faz questão de respondê-la, pode ser que a minha pessoa não interesse mais pra você.
Quando você não fala comigo, eu penso que você encontrou da maneira mais sutil, dizer que eu sou pra você parte do passado, assim não me magoaria se dissesse isso com sinceridade. 


Mas se você não falar para mim o que está acontecendo, não vou saber o que se passa na verdade. Se quer se afastar de mim, que seja de vez, não volte atrás na sua decisão porque nesse tempo em que você se manter afastado é que eu me esforçarei para te esquecer também.



Na verdade sinto que você não quer falar mesmo. Porque quando a gente gosta muito de alguém a gente deseja estar sempre perto dela, mas não é bom sermos obrigados a nada, principalmente a sentir qualquer coisa por quem não queremos. Nem implorar nada também.


Creio que na vida não devemos perder tempo mesmo, a vida corre e corre depressa. Você escolheu seguir o seu caminho e esse caminho não tem nada haver comigo. Pois bem, seja feliz! :)


"Ás vezes é necessário desistir: não há vergonha nenhuma nisso. Vergonhoso é insistir no não desejo do outro.'  - Eu Me Chamo Antonio



segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Estou namorando! Acabou minha vida social... Amigos, beijos e não me liguem.



Se você foi ou conhece alguém que começou a namorar e essa pessoa simplesmente sumiu do planeta terra, porque agora ela está vivendo em outro mundo chamado NAMORO (o que não é motivo para mudar com você) , leia esse post.

O MINISTÉRIO DA AMIZADE ADIVERTE: Se seu amigo mudou o comportamento dele com você por causa de namoro, uma pena! Ele é quem sai perdendo.

Tem muita gente por aí que é só começar um relacionamento sério, que começa um outro estilo de vida. CLARO! Concordo. A rotina será mudada, alguns finais de semana já estarão comprometidos, você deixará de ir a certos lugares, afinal, você está num compromisso com um outro alguém. Porém, deixar de falar com algum amigo, não usar rede social, tudo porque a outra pessoa não quer?! Deixar de ser quem é pra agradar o outro? Opa! Calma lá! 

As pessoas tem que entender que antes do outro namorar você, já existiam certos círculos de amizade, certos compromissos como ir ao futebol, ir a reunião da galera da época da escola... Mas quando se tornam casal, tudo acaba, as pessoas se afastam. BOBEIRA! Antes de serem casal, já eram e são pessoas individuais, com vidas muita das vezes com características diferentes. 

Até hoje eu sempre ouço absurdos que acontecem em relacionamentos, isso claro, é meu ponto de vista, e não existe uma forma a ser seguida, ninguém é igual a ninguém e nem todo relacionamento é ou deve ser igual. Na época da escola, formação de professores, em que o uniforme é uma camisa branca com saia de prega... Eu tinha uma amiga que durante o tempo de namoro,  passou a usar calça ao invés da saia que tanto gostava, parou de usar o cabelo solto. Ia a casa de nossas amigas escondida. ABSURDO! Para quê isso? Ninguém tem o direito de nos comandar, ao menos que algumas atitudes sejam adotadas por nós mesmos.

É tão chato ser quem a gente não é, e não quer ser, para agradar alguém.

Bobagem dispensar amizades só porque seu namorado, sua namorada não 'vai com a cara'. Aí vem aquela frase: E quando o namoro acabar? Quem serão seus amigos? Não existe essa, amigo é amigo sempre. O chato é você ser visto como um completo camaleão diante das pessoas. Devemos adotar mudanças que façam bem para nossa vida, a partir do momento que algo não vai bem, viram as consequências. As pessoas que aparecem na nossa vida deveria vir pra somar e não pra dividir.

Ter um relacionamento leve, não só no namoro, como nas amizades, com tudo na moderação faz bem a saúde, de acordo com o Ministério da Amizade. rs Namorar deve ser algo tão bom, que deve fazer bem para muitas partes, não afetar as partes. Acima de tudo esteja, faça e adote aquilo que te faça bem.

O SEU lixo é SEU!



PARA TUDO! Alguém deixou um lixo cair no chão? 
ABSURDO! Vamos parar e bater palmas pra ela. (PALMAS) Ela acaba de adicionar menos um dia de vida ao planeta. Quando eu vejo atos como esses, eu logo imagino a casa dessa pessoa... Será que tem lixo no chão também? Talvez não. Não há nada mais chato que você querer sentar em algum lugar e ter lixo lá. Não tem nada pior que ver uma pessoa jogando lixo no chão. A um tempo atrás eu só ficava indignada, hoje eu chupo bala HALLS alto (nutz, nutz, nutz). 

Dá vontade de enforcar pessoas que fazem isso. Êpa esse planeta também é meu, hein! É mais tem gente que não está nem aí. Sabe qual é o pensamento? "Estou ajudando ao gari a não perder seu emprego. Esse é seu trabalho, não é?!" ÊPAAAAAAAA Então já que é assim, a gente também poderia fazer a exploração da lixeira e deixar ela fazer o trabalho dela, ela foi feita pra isso, não acha?!

Diferente de mim, tenho uma amiga que chama a pessoa pra recolher o lixo. E ela não fala educadamente não, ela briga mesmo, afinal de contas... o público também é "nosso". Se estamos numa praia, num parque, e tem lixo espalhado, essa minha amiga arranja uma sacola (sabe lá da onde), e começa a catar todo o lixo que encontra. Confesso que às vezes ficava com vergonha por essas atitudes dela, hoje em dia aplaudo. 

Certa vez, estávamos voltando da universidade e na nossa frente uma mulher arremessa ao chão um copo pela metade com suco e vários guardanapos. PRONTO! Minha amiga deu um berro: NÃO É ISSO QUE ESTOU VENDO NÃO NÉ?! PODE CATANDO ESSE LIXO AGORA!!! (Minha cara foi no chão, mas ela agiu certo.) A mulher fingiu que não ouviu e minha amiga recolheu o lixo do chão. affs

Aqui no Rio de Janeiro tinha uma lei que pagava multa aquele que era pego jogando o lixo no chão mas não está funcionando muito não, viu?! Ou está? Não me parece.

A Baía de Guanabara tem todo o tipo de lixo lá e creio que há nessas águas, uns 3% de vida marinha lá. Eu fico pensando como será o futuro desses mares e rios... Existirão? Ou serão apenas ilustrações dos livros como tanto outros são hoje pra nós do século XXI?

O tempo todo há muita gente que reclama do governo, ok! Ele deveria investir em mais lixeiras por aí, investir nos subúrbios das cidades, não apenas onde lhe convinher.Mas você também cumpre com seu dever de manter limpo e preservado o lugar onde você circula? Não tem lixeira perto? Guarde com você até encontrar uma. Esse lixo que você joga no chão prejudica tanta gente, prejudica os animais do mar, prejudica quem pratica esporte pela cidade, prejudica você, prejudica a água que você bebe, o ar que você respira, atrasa o trabalho de muita gente, tira as casas de muita gente também. 

Sem contar que o sentimento de que esse planeta é a nossa morada deve ser de fato o nosso sentimento e ação. O lixo que você arremessa pela janela, mais cedo ou mais tarde vai voltar pra você bem maior do que você o deixou. Tão mais fácil carregar o lixo e depejá-lo em seu devido lugar... Mas pra alguns não, à esses eu digo:

NÃO É A NATUREZA QUE DEPENDE DE VOCÊ, É VOCÊ QUE DEPENDE DELA NATUREZA.


Por Daniella Lins

domingo, 14 de setembro de 2014

Papo calcinha: Atitudes de menino.

Não quero aqui falar mal de ninguém, muito pelo contrário, estamos aqui afim de compreender certas situações e ações com respeito. Nesse texto, em especial, certas atitudes que vem acontecendo. Estou aqui expondo algo que está sendo muito questionado no meio das conversas entre nós mulheres e que creio que nem Freud teria uma explicação. Ou sim, a resposta pode ser simples ou não queremos enxergar. É SIM ou é NÃO. (Ele não quer mais papo amiga) Vou listar aqui algumas situações que mostram desinteresse dos queridinhos ou que mostram que eles não estão na mesma 'vibe' que você. (Pula fora enquanto há tempo!) Podem chamar essas palavras de recalcadas, mal amada, amargas... Mas é o que tá acontecendo com muitas que converso e que na verdade não tem como evitar o sentimento, ainda mais vindo do jeito que vem.

VAMOS LÁ!

Situação: Vocês se conhecem, trocam whatsapp. Ele já começa dizendo que o seu sorriso é lindo, que você é simpática e blá, blá, blá. (Isso ele diz só pra te agradar... enfim). Ele parece ser uma pessoa bacana, boa pinta. Vocês saem algumas vezes e tals. Vocês conversam todos os dias, trocam fotos do que está comendo, da onde está e etc. No começo tudo é novidade, tudo é pá-pum, ele manda a mensagem e logo você responde e vice-versa. Entre as palavras que ele fala, vem cheios de 'eu queria estar agora com você', 'meu bem' pra cá, 'meu bem' pra lá; 'gosto muito de conversar com você', GOSTO MUITO DE VOCÊ. Fala sobre a família, situações que ocorreram no dia-a-dia. Você começa a se achar especial. Ai com o passar do tempo você vai se encantando, se encantando... e o cara começar a responder depois, visualiza e não responde, (diz estar ocupado, pode ser). Começa a deixar de falar como de costume, e começa a falar por monossílabos. Não te chama mais pra sair, não fala mais com você. ACOOOORDA MENINA! Quem quer de verdade, insiste, chega a ser chato. "Quem quer arruma um jeito. Quem não quer, arruma uma desculpa."

Ai que vem as hipóteses: Perdeu o interesse? Está conhecendo outra pessoa? Você fez algo errado? (não) Ele está querendo curtir a vida? Podemos listar muitas coisas, mas na verdade não podemos ler a mente de ninguém, por mais que a gente tente. Não dá pra saber. O certo séria se o cara fosse sincero desde o início. Pode estar acontecendo tantas coisas. Não temos o controle sobre certas coisas, principalmente sobre os sentimentos, muito menos sobrecarregar alguém com os nossos desejos, por isso surgem as decepções (que são inevitáveis), isso porque jogamos nossa felicidade nas mãos de alguém e dizemos:"Toma! Agora minha felicidade está nas suas mãos. Me faça feliz!" Nãaaao não faça isso! Como diz no livro da Isabela Freitas: Você deve primeiro aprender a ter êxito satisfazendo as suas necessidades para depois se relacionar com alguém. 

Não sabemos de fato se a pessoa está literalmente falando a verdade, isso a gente só fica sabendo se as palavras vierem seguidas por atitudes. As aulas de ciências não ficavam mais interessantes e compreensíveis quando a professora fazia o experimento ao invés de mostrar no livro? Assim também acontece nos relacionamentos, é muito fácil falar, agir que é o difícil. Mas também não devemos encarar TUDO o que o outro fala como algo duvidoso. Sim, pode ser verdade, só o tempo vai dizer. E esperar é difícil, né? Nem sempre. Se distraía! Viva além disso tudo. Esqueça as regrinhas também... quer falar, fala. Mas se essa procura não for correspondida sempre, esqueça! Parte pra outra.

Não se feche não hein! Muita gente legal existe, tá?! Afim de coisa séria. Você só tem que deixar que as coisas aconteçam, elas acabam acontecendo e você nem percebe. E por quê estar sozinho é tão ruim? Nem sempre é. Na teoria tudo isso é lindo e fácil, ok, mas se dermos um passo de cada vez, a gente conseguirá enxergar as coisas com clareza e leveza. "Só é feliz a dois quem já é feliz sozinho."

Daniella Lins







Vamos viver tudo o que há pra viver!

"Minha avó sempre me diz, que amadurecemos com os danos, não com os anos." -Karol Palumbo

Sim! Então agradeça pelo que desagradável te aconteceu. Até isso te fez uma pessoa mais forte. Sacode a poeira! Siga em frente. Não há mal que dure para sempre. O que deve durar para sempre é a sua vontade de viver. É vivendo que se aprende. Vai lá e arrisque, esqueça o "SE". Se você não tentar, nunca vai saber. CORAGEM!  Nada é por acaso! 

Goste de quem gosta de você... Pelo menos.




Gostar de alguém é tão bom... Achar que está gostando também. haha' Sentir que gostam da gente é muito bom também. Nesse primeiro momento não me refiro aos relacionamentos amorosos não, me refiro aqueles que convivem conosco, familiares, amigos, colegas de trabalho. Ser uma boa companhia faz bem ao outro e a você mesmo. A vida já é complicada demais pra ficarmos ao lado de alguém que menospreza nosso jeito de ser, que fala que estamos gordos demais, magros de mais, nossa maneira de pensar e agir. Se sinta bem em primeiro lugar, com você mesmo (mantra ahuuumm). Muito chato ter alguém pra delimitar até onde a gente pode ir, não falo dos conselhos, pois eles sempre devem ser bem vindos e cabe a nós discernir se é bom ou não para aquela situação. Me refiro aquela pessoa que só indica seus defeitos, aqueles que você às vezes já sabe de có. AFASTE-SE DESSA PESSOA JÁ! Ou faça o mantra (uhuumm). rsrs'

Procure fazer o bem pra si mesmo, estando ao lado de quem vê em você aquilo que poucos vêem, somente aqueles que dedicam um tempo a aventura-se em conhecer quem você é por trás da cara dura, do sorriso frouxo, realmente merece sua atenção. É bom ter pessoas leves perto de nós. Pessoas que nos ajude a prosseguir e não estaguinar.

Agora sim vou me referir aos relacionamentos... Uuuh como é bom ser amado e amar alguém. Melhor ainda é quando é reciproco. Ou quando não temos amarras nenhuma para estar com aquela pessoa, além do sentimento mesmo. Goste de quem gosta de você! 

No filme '500 dias com Ela', Tom, romântico,acredita que encontrou o amor da sua vida, Summer, uma moça que encara os relacionamentos de uma forma prática,(algo tão inacreditável para alguns que caracterizam as mulheres como aquelas que são mais emocionais, se engana baby! Não vamos generalizar.) Tom enxergava nas atitudes de Summer, interesse, como se ela correspondesse o que ele esperava dela. Não quer dizer nada! Afeto vem através de atitudes concretas. Mas no entanto, Summer não enxergava nele nada além de um relacionamento passageiro.

Hoje em dia a busca por alguém que nós entenda, que nós queira também, nem sempre é algo que a outra pessoa que almejamos deseja. Devemos estar bem conosco mesmo, antes de esperar que alguém venha com aquilo que não temos para nos completar,(NÃO EXISTE ESSA DE COMPLETAR. Tô inteira meu bem!). Não é por isso que o mundo deve desabar. Uma vez eu li uma frase que dizia: "Há sempre novos amores, novas amizades..." e é verdade. Insistir no não querer do outro, nem sempre é o melhor a se fazer, você sempre acabará se machucando. Tenha amor próprio, aquela pessoa não é a última no universo. Desapega OLX! rsrs' Desapegue do passado... prossiga para o futuro que pode ser surpreendente. A vida sempre continua independente de qualquer coisa. QUEM QUER, QUER. QUEM NÃO QUER, TEM QUEM QUEIRA. 

sábado, 13 de setembro de 2014

O conselho que você dá, nem sempre é eficaz pra você.


Por quê a gente consegue dar conselhos muito bons pra uma pessoa e quando passamos pela mesma situação a gente não segue o que falamos? Complicaaaaado. Muito mais fácil enxergar as coisas claras quando estamos de fora. Assim, como é bom ler um livro quando não somos obrigados a ler. (Estou escrevendo minha monografia e está tão chato ler... Ócios do oficio.) Pois bem, minhas amigas ou pessoas que converso na fila do supermercado, por exemplo, me contam situações que imediatamente eu tenho a solução na ponta da língua. Ai logo uma situação semelhante ocorre comigo, PRONTO! Não sei o que fazer, na verdade não consigo nem raciocinar. PARA! CALMA! PENSA! Coloca na balança, isso será bom pra mim? Vai me fazer feliz? Como diz na canção de Charlie Brown, "Cada escolha uma renúncia", e é verdade. 

Não a nada mais chato do que pensarmos que tomamos a decisão errada. Não existem regras quando se trata de ser feliz. Pronto! Já foi! Você já falou que gostava dele/dela, você puxou papo, você não foi a festa, você não viajou. Passou! Não podemos voltar no tempo. Faça o que der vontade, sem arrependimentos. O que aconteceu, teria de acontecer com você, era necessário. Aquilo que julgamos ser ruim, às vezes nos tornam mais fortes. Isso se você enxergar assim, sem se colocar no papel de vítima. Cito aqui as decepções. Uuuh inevitáveis. Elas estão por aí em cada esquina esperando uma vítima fatal. Na verdade elas ocorrem quando esperamos demais, imaginamos demais, desejamos demais. Tudo em excesso faz mal, bem sabemos. As decepções ocorrem quando menos esperamos, nos pegam de surpresa, nos deixam frágeis. Ai vem logo o pensamento: EU NUNCA MAIS VOU FAZER ISSO! Iiiih bobagem! Ninguém é igual a ninguém. Os acontecimentos e reações não são iguais. Mas isso não quer dizer que você não tire uma lição disso tudo, tem de haver, sempre tem. 

Devemos ser firmes, ter a visão clara, não insistir no não desejo do outro, tem de haver uma reciprocidade e acima de tudo, AMOR PRÓPRIO. Reconhecer que você não deve ser menosprezado por ninguém. Ninguém é melhor que ninguém. Você tem o poder de decisão nas mãos. Por mais que te deem conselhos, as consequências viram pra você. Viva sem medo de arriscar, quem sabe você não se surpreende? 

Falar sobre algo pelo qual não está passando ou nunca passou, é sempre mais fácil, porém, só sabe quem está passando. Nem tudo é regra e as soluções não podem ser encontradas em qualquer livro de receita ou manual de instruções. O mistério da vida é esse, arriscar para ver. Vivenciar para sentir.

Começando...

Todo começo é meio desafiador. A gente nunca sabe o que vai acontecer. Hoje inicio pela terceira vez um Blog. HAHA' Isso mesmo! Mas agora é pra valer. Eu e você vamos falar de tudo. TUDO mesmo. Tudo que nos angustia, vamos tirar dúvidas e baaa. Esse Blog criei no intuito de buscar através do compartilhamento de ideias, ajudarmos umas as outras uns aos outros. Começarei minha primeira postagem falando de algo que deixa a mim e minhas amigas confusas... As atitudes masculinas. rs